Ajufe inicia projeto de atendimento a populações carentes

    Em apenas dois dias, a “Expedição da Cidadania”, promovida pela Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe) em Porto Murtinho, Mato Grosso do Sul, já atendeu aproximadamente mil pessoas.

    O município é o primeiro a receber o projeto, que busca desenvolver ações de cidadania por meio de juizados itinerantes, além de resolver problemas como a emissão de carteira de identidade, CPF, certidão de nascimento, carteira de trabalho, regularizar a situação junto à justiça eleitoral, situação de estrangeiros fronteiriços e previdenciária, abertura de conta bancária.

    O projeto da Ajufe, em parceria com a prefeitura da cidade, conta com o apoio do governo do Mato Grosso do Sul, do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), da Receita Federal, do Departamento de Polícia Federal, da Caixa Econômica Federal, do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), da Associação dos Notários e Registradores e da Marinha do Brasil.

    Lançamento
    A solenidade de lançamento da “Expedição da Cidadania”, realizada neste domingo, dia 8, lotou o Centro de Múltiplas Atividades do município. Na oportunidade, foram feitas apresentações culturais e folclóricas por crianças e jovens integrantes dos diversos projetos sociais promovidos pela prefeitura de Porto Murtinho.

    Estiveram presentes à solenidade o presidente da Ajufe, Fernando Mattos, a presidente do TRF da 3ª Região, Marli Marques Ferreira, a presidente do TRF da 4ª Região, Silvia Goraieb, a organizadora do projeto, juíza federal Raquel Corniglion, o senador Valter Pereira de Oliveira, o deputado federal Waldemir Moka, os secretários de estado da Justiça e Segurança Pública, Vantuir Jacine Brasil, e de Trabalho e Ação Social, Tânia Mara Garib, o prefeito de Porto Murtinho, Nelson Cintra Ribeiro, e representantes das várias instituições parceiras da Ajufe.

    Em seu discurso durante o lançamento do programa, o presidente da Ajufe lembrou as desigualdades sociais ainda tão fortes no Brasil e ressaltou que, com a “Expedição da Cidadania, ”a Associação dos Juízes Federais do Brasil quer dar a sua parcela de contribuição para diminuir essas desigualdades. A Ajufe não pode distribuir roupas, comida ou casas, mas tenta contribuir da forma que está ao seu alcance, ajudando a distribuir cidadania e a matar a sede de justiça”.

    Participaram também do evento os desembargadores federais Luiz Stefanini, Marisa Santos e Newton de Lucca e os juízes federais Paulo Sérgio Domingues, Andréa Cunha Esmeraldo, Bruno Augusto Santos Oliveira, Marcos Lívio Gomes, Leila Paiva, Clorisvaldo Rodrigues dos Santos, Renato Toniasso e Moises Anderson Costa Rodrigues da Silva.

    Também estiveram presentes vários juízes e desembargadores do Tribunal de Justiça do Mato Grosso do Sul, prefeitos de municípios da região, secretários municipais e vereadores.

    Programa
    TV Justiça
    Sábado às 16:30 Oi 21 | CLARO 05 | SKY 24 | NET 26 | VIVO/GVT 232
    Reprise:
    Segunda 11:00 | Quarta 11:00 | Sexta 11:00 | Domingo 15:00
    TV Diário
    Terça-Feira às 00h45

    Boas Práticas na Justiça

    Cadastro

    Seja um Associado da Ajufe!

    Informativo Ajufe
    Setembro de 2017

    Nesta edição, os 45 anos de fundação da Associação são homenageados. Além disso, o informativo traz também as últimas atividades realizadas pela Ajufe em 2017.

    Revista Direito Federal
    Revista de Direito Federal nº 96

    Nesta 96ª edição, a Revista Direito Federal disponibiliza os trabalhos individualmente, por autor. 

    Revista de Cultura
    Revista de Cultura nº 11

    Juízes federais que escrevem além das sentenças: em verso, rima, ritmo e métrica.

    © Ajufe - Associação dos Juízes Federais do Brasil - Todos os direitos reservados.

    Ajufe.org