Frente Associativa define estratégia de atuação para obter simetria constitucional com o MP

    O presidente da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe) participou hoje (19) de reunião da Frente Associativa da Magistratura e do Ministério Público da União que discutiu, entre outros itens, a estratégia de atuação da associação para a retomada do julgamento do pedido de providência em tramitação no Conselho Nacional de Justiça (CNJ), no qual a Ajufe requer simetria constitucional com os membros do Ministério Público da União. Presente à reunião, o presidente da Associação Nacional dos Procuradores do Trabalho, Fábio Leal, manifestou apoio da ANPT ao pleito dos juízes.
    O presidente da Ajufe e o presidente da Anamatra, Luciano Athayde, visitarão esta tarde os conselheiros do CNJ para entrega de novo memorial. O julgamento foi interrompido por um pedido de vista do conselheiro Jorge Hélio Chaves, logo após voto favorável à Ajufe, formulado pelo conselheiro Jorge Locke. A Anamatra tem pedido similar (PP 2009.10.00.00.4514-5). Os juízes querem isonomia entre os regimes jurídicos do Ministério Público Federal e da magistratura federal, até que seja editada disciplina específica para a categoria.
    Na reunião de hoje, também foi acertada uma atuação conjunta com vistas à aprovação da Proposta de Emenda Constitucional em tramitação no Senado Federal (PEC 21/2008) que restabelece o ATS (Adicional por Tempo de Serviço) como forma de valorização das carreiras da magistratura e do Ministério Público. A discussão a respeito dos subsídios dos juízes também esteve em pauta. Para o presidente da Ajufe, Fernando Mattos, e os demais integrantes da Frente, é fundamental que haja um mecanismo de reposição integral e automática das perdas decorrentes da inflação, pois o último reajuste não repôs esta perda.
    Além dos presidentes da Ajufe e da Anamatra, Fernando Mattos e Luciano Athayde, participaram da reunião os presidentes da Associação dos Magistrados do Distrito Federal (Amagis-DF), Aiston Henrique, da ANPT, Fábio Leal; da Associação do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (AMPDFT), Carlos Alberto Cantarutti; da Associação dos Magistrados da Justiça Militar Federal (Amajum), Carlos Augusto Moraes Rêgo. Da Amajum , também participou o juiz José Barroso Filho.

    Texto: Virgínia Pardal
    Foto: Viviane Dias - Anamatra
    Programa
    TV Justiça
    Sábado às 16:30 Oi 21 | CLARO 05 | SKY 24 | NET 26 | VIVO/GVT 232
    Reprise:
    Segunda 11:00 | Quarta 11:00 | Sexta 11:00 | Domingo 15:00
    TV Diário
    Terça-Feira às 00h45

    Boas Práticas na Justiça

    Cadastro

    Seja um Associado da Ajufe!

    Informativo Ajufe
    Setembro de 2017

    Nesta edição, os 45 anos de fundação da Associação são homenageados. Além disso, o informativo traz também as últimas atividades realizadas pela Ajufe em 2017.

    Revista Direito Federal
    Revista de Direito Federal nº 96

    Nesta 96ª edição, a Revista Direito Federal disponibiliza os trabalhos individualmente, por autor. 

    Revista de Cultura
    Revista de Cultura nº 11

    Juízes federais que escrevem além das sentenças: em verso, rima, ritmo e métrica.

    © Ajufe - Associação dos Juízes Federais do Brasil - Todos os direitos reservados.

    Ajufe.org