Juiz Erivaldo Ribeiro assume departamento de monitoramento carcerário

    Erivaldo
    Foi instalado hoje (6), em solenidade no Supremo Tribunal Federal (STF), o Departamento de Monitoramento e Fiscalização do Sistema Carcerário e do Sistema de Execução de Medidas Socioeducativas (DMF), órgão administrado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para fiscalizar o sistema carcerário. O DMF será supervisionado pelo corregedor nacional de Justiça, ministro Gilson Dipp, e coordenado pelo juiz federal Erivaldo Ribeiro dos Santos.

    O presidente da Ajufe, Fernando Mattos, e o presidente da Ajufer, Moacir Ferreira Ramos, compareceram à solenidade, que contou com a presença do ministro da Justiça, Luiz Paulo Barreto, do advogado-geral da União, Luis Inácio Adams, e dos ministros Gilmar Mendes e Gilson Dipp, entre outras autoridades.

    Ao agradecer a colaboração do juiz Erivaldo Ribeiro na realização dos mutirões carcerários que já permitiram a soltura de mais de 20 mil presos em todo o país, o presidente do STF e do CNJ, ministro Gilmar Mendes, se emocionou. Disse que a Justiça Federal deve se orgulhar de ter um magistrado como ele em seus quadros. O presidente da Ajufe, Fernando Mattos, afirmou que o juiz Erivaldo Ribeiro de fato honra a magistratura federal brasileira com sua atuação e também a Associação dos Juízes Federais do Brasil, da qual faz parte como associado.

    Segundo o juiz Erivaldo Ribeiro, a história do departamento instalado hoje se confunde com a própria história do CNJ. "Muitas das atribuições do DMF já estavam sendo desempenhadas mesmo antes da edição da Lei nº 12.106/09. Desde sua instalação, em junho de 2005, o CNJ vem demonstrando preocupação com o sistema carcerário", afirmou.

    Na solenidade, também foram assinados convênios de adesão ao programa Começar de Novo, que promove a ressocialização de presos. A Confederação Brasileira de Futsal (CBFS) e a Associação dos Notários e Registradores do Brasil (Anoreg) oficializaram a adesão ao programa. O programa Começar de Novo foi lançado pelo CNJ em dezembro de 2008 com a finalidade reduzir o preconceito em relação aos presos e ex-detentos, assim como possibilitar a sua reinserção no mercado de trabalho.

    Texto: Virginia Pardal Foto: Banco de Imangens CNJ

    Programa
    TV Justiça
    Sábado às 16:30 Oi 21 | CLARO 05 | SKY 24 | NET 26 | VIVO/GVT 232
    Reprise:
    Segunda 11:00 | Quarta 11:00 | Sexta 11:00 | Domingo 15:00
    TV Diário
    Terça-Feira às 00h45

    Boas Práticas na Justiça

    Cadastro

    Seja um Associado da Ajufe!

    Informativo Ajufe
    Setembro de 2017

    Nesta edição, os 45 anos de fundação da Associação são homenageados. Além disso, o informativo traz também as últimas atividades realizadas pela Ajufe em 2017.

    Revista Direito Federal
    Revista de Direito Federal nº 96

    Nesta 96ª edição, a Revista Direito Federal disponibiliza os trabalhos individualmente, por autor. 

    Revista de Cultura
    Revista de Cultura nº 11

    Juízes federais que escrevem além das sentenças: em verso, rima, ritmo e métrica.

    © Ajufe - Associação dos Juízes Federais do Brasil - Todos os direitos reservados.

    Ajufe.org