Em entrevistas, De Sanctis elogia atuação da Ajufe

    De_Sanctis_2O juiz federal Fausto Martin De Sanctis, titular da 6ª Vara Criminal da Justiça Federal em São Paulo, tem elogiado a atuação da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe) em entrevistas concedidas recentemente em diferentes mídias. Ele é um dos nomes que compõem a lista sêxtupla encaminhada pela Ajufe ao presidente da República, Luiz Inácio da Silva.

    De Sanctis participou do programa Roda Viva, da TV Cultura, no qual foi questionado, durante quase quarenta minutos, sobre sua atuação na Justiça Federal e sobre sua suposta indicação a uma vaga no Supremo Tribunal Federal. Participaram da entrevista, que foi transmitida ao vivo, os jornalistas: Márcio Chaer, do site Consultor Jurídico; Fausto Macedo, do jornal O Estado de São Paulo; Frederico Vasconcelos, da Folha de S.Paulo, assim como pelo mediador e apresentador do programa, jornalista Heródoto Barbeiro.

    No dia 9 de agosto, ele foi um dos convidados do Programa do Jô – talk show da TV Globo e transmitido também pela Rádio CBN. Fausto De Sanctis falou sobre seu trabalho e elogiou a atuação da Ajufe. A entrevista tinha como pano de fundo o lançamento de seu livro, o romance “Xeque-mate”, que acontecerá nesta quinta-feira (12), na Livraria Cultura, do Conjunto Nacional, em São Paulo.

    Ainda nessa primeira quinzena de agosto, o titular da 6ª Vara Criminal da Justiça Federal paulista foi entrevistado pela revista “Época”, em sua edição do último dia 06, onde respondeu à seguinte indagação: “por que não há ninguém cumprindo pena por lavagem de dinheiro?”. No que retrucou: “Porque há hoje uma babel jurídica no Brasil. Cada juiz entende um jeito. Não há o mínimo de coesão institucional. Não se chega a resultado nenhum. Ninguém espera que os tribunais superiores fiquem reiterando os juízes de primeira instância e nem se pode esperar que o juiz de primeiro grau reitere o grau superior. Mas não é possível trabalhar do jeito como está hoje. Sem querer desrespeitar nenhum ministro ou desembargador, tudo é paralisado e interrompido --às vezes-- sem apreciação profunda da prova e do que se decide na primeira instância".

    Segundo De Sanctis, "acusar-me de arbitrário ou de justiceiro é um caminho fácil para não discutir o que interessa num processo".

    Sobre sua escolha, em votação promovida pela Ajufe, na lista de nomes que deveriam ser indicados ao Supremo, avaliou: "Tenho certeza de que os colegas decidiram assim porque fizeram opção pela independência da magistratura, pela necessidade de os juízes levarem sua experiência para o Supremo. Sem desmerecer nenhum ministro, mas a experiência conta muito. Está mais do que na hora de o Supremo ser integrado por juízes federais. Hoje, não há nenhum lá. Não falo por mim, mas pela instituição".

    Veja as entrevistas concedidas pelo juiz federal Fausto De Sanctis a esses veículos:

    fausto_roda_viva

    jo1

    Participação do juiz federal Fausto de Sanctis no Programa do Jô,
    da TV Globo e Rádio CBN



    Edição 638 da revista semanal “Época”, do dia 6 de agosto:

    fausto_epoca

    Fausto Martin De Sanctis: "Há hoje uma babel jurídica no Brasil"
    Ao estrear como romancista, o juiz dos casos mais polêmicos do país critica o funcionamento do Poder Judiciário

     

    Texto: Andréa Mesquita

    Foto da matéria: Eliaria Andrade/Diário de S.Paulo/Arquivo

     

    Programa
    TV Justiça
    Sábado às 16:30 Oi 21 | CLARO 05 | SKY 24 | NET 26 | VIVO/GVT 232
    Reprise:
    Segunda 11:00 | Quarta 11:00 | Sexta 11:00 | Domingo 15:00
    TV Diário
    Terça-Feira às 00h45

    Boas Práticas na Justiça

    Cadastro

    Seja um Associado da Ajufe!

    Informativo Ajufe
    Setembro de 2017

    Nesta edição, os 45 anos de fundação da Associação são homenageados. Além disso, o informativo traz também as últimas atividades realizadas pela Ajufe em 2017.

    Revista Direito Federal
    Revista de Direito Federal nº 96

    Nesta 96ª edição, a Revista Direito Federal disponibiliza os trabalhos individualmente, por autor. 

    Revista de Cultura
    Revista de Cultura nº 11

    Juízes federais que escrevem além das sentenças: em verso, rima, ritmo e métrica.

    © Ajufe - Associação dos Juízes Federais do Brasil - Todos os direitos reservados.

    Ajufe.org