Ajufe é parceira do CNJ na quinta edição da Semana de Conciliação

    Dr_andreO Conselho Nacional de Justiça (CNJ) promove este ano a quinta edição da Semana Nacional da Conciliação, que se realizará entre 29 de novembro e 03 de dezembro. Em 2010, dois novos instrumentos vêm para efetivar ainda mais a prática desse tipo de resolução de conflitos, numa política pública eficaz de atendimento à prestação jurisdicional.

    A primeira iniciativa é o chamado “Prêmio Conciliar é Legal”, cuja proposta é homenagear magistrados e tribunais que se destaquem na campanha. A segunda é o lançamento, ao final dos trabalhos, de um banco de dados contendo as boas iniciativas adotadas pelos tribunais de todo o País. O intuito é facilitar a conciliação e atuar de forma eficaz na resolução dos litígios.

    O prêmio, lançado em agosto passado, será entregue no dia 8 de dezembro – Dia da Justiça – e tem como objetivo homenagear, simbolicamente, magistrados e tribunais, e suas práticas. Por isso foram criadas duas categorias: individual e tribunais. Na categoria individual, serão selecionados os melhores juízes e as práticas adotadas por estes com o intuito de promover as conciliações, de modo que suas posturas passem a ser consideradas exemplos em todo o Brasil.

    Já na categoria tribunais, serão homenageados os tribunais – em todas as instâncias - que se destacarem ao longo da campanha. Na última semana, a conselheira do CNJ Morgana Richa participou, em São Paulo, de reunião com o grupo gestor de conciliação para a primeira seleção dos melhores trabalhos inscritos. A Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe) é parceira do CNJ nessa iniciativa.

    Conciliação

    O coordenador de Comissões da Ajufe, juiz federal Antonio André Muniz, destaca que a conciliação é uma forma importante de solucionar conflitos, pois as partes têm a oportunidade de conversar com o juiz. “Tem sido muito importante esse tipo de ação para a Justiça Federal, por isso a Ajufe apoia a Semana Nacional da Conciliação. Essa é uma oportunidade de incentivar todo o país a fazer o mesmo e mostrar que o Poder Judiciário está disposto a conciliar”, afirma o magistrado.

    Cultura judiciária

    “Trata-se de uma premiação que envolve boas práticas de conciliação e tem o intuito de integrar os projetos, de forma que sejam replicados de um tribunal para outro, além de contribuir para disseminar uma mudança de cultura judiciária, voltada para a resolução de conflitos”, afirmou a conselheira Morgana Richa. Além de identificar e disseminar essas boas práticas que contribuem para a pacificação de conflitos, o prêmio também destacará bons exemplos de modernização, rapidez e eficiência observados na Justiça brasileira. Questões como satisfação do usuário, alcance social e desburocratização dos tribunais também serão consideradas.

    De acordo com a conselheira, os resultados desta quinta Semana Nacional de Conciliação permitirão ao CNJ estruturar um manual de boas práticas que divulgará as ações de conciliação realizadas pelos tribunais. “Espera-se, com isso, que o material se transforme num modelo que valorize, divulgue e expanda estas práticas”, explicou. O CNJ elabora, ainda, uma minuta de resolução que padronizará as regras de conciliação em todo o Judiciário.

    Fonte: Tinna Evangelista, com informações do CNJ
    Revisão: Andréa Mesquita

    Siga-nos no Twitter: http://twitter.com/AJUFE_Brasil
    Programa
    TV Justiça
    Sábado às 16:30 Oi 21 | CLARO 05 | SKY 24 | NET 26 | VIVO/GVT 232
    Reprise:
    Segunda 11:00 | Quarta 11:00 | Sexta 11:00 | Domingo 15:00
    TV Diário
    Terça-Feira às 00h45

    Boas Práticas na Justiça

    Cadastro

    Seja um Associado da Ajufe!

    Informativo Ajufe
    Setembro de 2017

    Nesta edição, os 45 anos de fundação da Associação são homenageados. Além disso, o informativo traz também as últimas atividades realizadas pela Ajufe em 2017.

    Revista Direito Federal
    Revista de Direito Federal nº 96

    Nesta 96ª edição, a Revista Direito Federal disponibiliza os trabalhos individualmente, por autor. 

    Revista de Cultura
    Revista de Cultura nº 11

    Juízes federais que escrevem além das sentenças: em verso, rima, ritmo e métrica.

    © Ajufe - Associação dos Juízes Federais do Brasil - Todos os direitos reservados.

    Ajufe.org