Universidade terá que pagar R$ 5 mil por não inscrever aluno no Enade

    O Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF) informou, nesta quarta-feira (27), que a Universidade Federal Fluminense (UFF) foi condenada a pagar R$ 5 mil de indenização, por danos morais, a um aluno que não foi inscrito na prova do Enade e, com isso, ficou impedido de colar grau e receber o diploma. A decisão, em 2ª instância, confirmou a sentença de 1ª instância, que já tinha sido favorável ao estudante. Segundo a assessoria do TRF, a universidade ainda pode recorrer. O recurso nesse caso será julgado pelo Superior Tribunal Federal.

    Segundo o TRF, por não ter sido inscrito, o aluno teve que entrar com uma ação na Justiça Federal para garantir o direito de se formar. O Enade é um exame feito por amostragem, que avalia o rendimento dos alunos dos cursos de graduação em relação ao que foi aprendido em sala de aula. O Ministério da Educação é quem faz a lista dos participantes, que são obrigados a comparecer.

    Ainda de acordo com o TRF, antes de entrar com o processo, o universitário tentou resolver o problema diretamente com a instituição, mas não teve sucesso.

    No entendimento da desembargadora federal Salete Maccalóz, o aluno não foi inscrito no Enade por culpa exclusiva da UFF. Para ela, o estudante não pode ser penalizado, deixando de receber o diploma. Segundo a desembargadora, a indenização, por danos morais, é por conta da angústia vivida pelo aluno. Logo após a conclusão do curso, o universitário conseguiu aprovação num concurso público. Sem conseguir colar grau, ele ficaria impedido de assumir o cargo de professor da rede municipal de educação de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

    O que diz a UFF


    Procurada pelo G1, a assessoria da UFF informou que o processo é de 2006 e que o aluno conseguiu fazer o Enade, colar grau e receber o diploma após entrar com uma ação na Justiça. Segundo a assessoria, a condenação é referente a danos morais. A assessoria explica ainda que como a decisão saiu esta semana, a UFF terá que esperar o acórdão para entrar de novo com recurso. Quem representa a universidade é a Procuradoria Seccional Federal, que vai acompanhar o processo para saber por que o aluno não foi inscrito.

    Fonte: G1

    Siga-nos no Twitter: http://twitter.com/AJUFE_Brasil
    Programa
    TV Justiça
    Sábado às 16:30 Oi 21 | CLARO 05 | SKY 24 | NET 26 | VIVO/GVT 232
    Reprise:
    Segunda 11:00 | Quarta 11:00 | Sexta 11:00 | Domingo 15:00
    TV Diário
    Terça-Feira às 00h45

    Boas Práticas na Justiça

    Cadastro

    Seja um Associado da Ajufe!

    Informativo Ajufe
    Setembro de 2017

    Nesta edição, os 45 anos de fundação da Associação são homenageados. Além disso, o informativo traz também as últimas atividades realizadas pela Ajufe em 2017.

    Revista Direito Federal
    Revista de Direito Federal nº 96

    Nesta 96ª edição, a Revista Direito Federal disponibiliza os trabalhos individualmente, por autor. 

    Revista de Cultura
    Revista de Cultura nº 11

    Juízes federais que escrevem além das sentenças: em verso, rima, ritmo e métrica.

    © Ajufe - Associação dos Juízes Federais do Brasil - Todos os direitos reservados.

    Ajufe.org