Fiocruz é condenada a indenizar autor da peça “Galileu - O mensageiro das estrelas”

    A Segunda Turma Especializada do TRF-2 condenou a Fundação Oswaldo Cruz a pagar ao autor da peça “Galileu - O mensageiro das estrelas” indenização de R$ 50 mil, pelo seu uso não autorizado. O caso começou em janeiro de 1997, quando a Fiocruz contratou a empresa RNG Produções Artísticas Ltda., de Ronaldo Nogueira da Gama, que escreveu a peça. O objetivo era encenar no Museu da Vida, que funciona na Casa de Oswaldo Cruz, espaço com o objetivo de integrar ciência, cultura e sociedade, promovendo atividades educacionais e exposições permanentes, eventos multimídia, peças teatrais, vídeos e laboratórios nas áreas de ciência, saúde e tecnologia, voltados para alunos da rede pública de ensino.

    O contrato firmado na época era de R$ 55 mil, para 90 apresentações em nove meses. A RNG contratou o elenco, do qual fazia parte o próprio Ronaldo Nogueira da Gama. Terminada a vigência, o contrato foi renovado para mais 42 apresentações, dessa vez executadas pelo Museu da Vida, mas ainda dirigidas por Ronaldo. Só que terminada essa última série, a equipe do museu continuou com as encenações, sem remunerar o titular dos direitos de autor.

    Defendendo os interesses do dramaturgo, a Sociedade Brasileira de Autores Teatrais (Sbat) ajuizou uma ação na Justiça Federal, mas a decisão da primeira instância foi desfavorável ao seu pedido. Por conta disso, ela apelou ao TRF-2. Em suas alegações, a Fiocruz sustentou que, como o autor havia cedido gratuitamente o material de produção, como o cenário, o figurino e a trilha sonora, seria o caso de entender que ele havia feito também a cessão total para representação da obra.

    Para a relatora da ação no TRF-2, desembargadora federal Liliane Roriz, o argumento não procede. Para ela, esse tipo de cessão deveria estar expresso no contrato: “Ademais, visto que a utilização desautorizada se deu após duas contratações onerosas, a presunção deveria ter sido no sentido de que a apresentação da peça, em local de frequência coletiva - que é o caso do Museu da Vida - resultaria em pagamento de direitos autorais a seu titular”.

    Fonte: TRF-2
    Programa
    TV Justiça
    Sábado às 16:30 Oi 21 | CLARO 05 | SKY 24 | NET 26 | VIVO/GVT 232
    Reprise:
    Segunda 11:00 | Quarta 11:00 | Sexta 11:00 | Domingo 15:00
    TV Diário
    Terça-Feira às 00h45

    Boas Práticas na Justiça

    Cadastro

    Seja um Associado da Ajufe!

    Informativo Ajufe
    Setembro de 2017

    Nesta edição, os 45 anos de fundação da Associação são homenageados. Além disso, o informativo traz também as últimas atividades realizadas pela Ajufe em 2017.

    Revista Direito Federal
    Revista de Direito Federal nº 96

    Nesta 96ª edição, a Revista Direito Federal disponibiliza os trabalhos individualmente, por autor. 

    Revista de Cultura
    Revista de Cultura nº 11

    Juízes federais que escrevem além das sentenças: em verso, rima, ritmo e métrica.

    © Ajufe - Associação dos Juízes Federais do Brasil - Todos os direitos reservados.

    Ajufe.org