Caixa libera dinheiro e Prefeitura retoma obras do PAC

    Depois de mais de um ano paralisadas, as obras do Programa de Aceleração do Crescimento 1 (PAC) devem recomeçar em 2011. A informação é do prefeito Chico Galindo (PTB), que disse ter recebido, no começo da tarde de sexta-feira (14), a notícia da Caixa Econômica Federal sobre a liberação do lote 4.

    "Agora, podemos dizer que o PAC desempacou. O lote 4 foi liberado e as obras devem recomeçar logo. Acreditamos que o lote 8 é o próximo a ser liberado", disse o prefeito.

    As obras do lote 4 são para construção do esgoto de 14 bairros na Região Leste de Cuiabá. A mesma região também será beneficiada pela implantação de um novo projeto legalização fundiária e redução de perdas de água, anunciado por Galindo e por diretores da Sanecap.

    As obras do PAC 1 estão paralisadas desde 2009, quando oito lotes destinados para Cuiabá foram bloqueados na Operação Pacenas, deflagrada pela Polícia Federal.

    A ação desmontou um suposto esquema que teria fraudado os processos licitatórios das obras. O processo foi arquivado em outubro de 2010, por ordem do Tribunal Regional Federal (TRF), por falta de provas.

    Parceria com o Governo

    No começo da semana, Chico Galindo confirmou que sinalizou positivamente ao governador Silval Barbosa (PMDB) para que a gestão estadual assuma três lotes do Programa de Aceleramento do Crescimento (PAC) da Capital.

    Ao todo, são oito lotes; desse total, número um está sob a responsabilidade do Exército Brasileiro, através do 9º Batalhão de Engenharia e Construção (BEC).

    Galindo explicou que esses três lotes, que devem ser geridos pelo Estado, possuem a necessidade de um aporte financeiro maior, que segundo ele, a prefeitura não teria condição de viabilizar essa contrapartida. "Já se tem recursos do Governo, que é parceiro, mas é preciso algo entre R$ 15 milhões a R$ 20 milhões, que o município não tem", declarou.

    Devido a essa falta de recursos, o prefeito explicou que buscou o Governo para viabilizar as obras do PAC em Cuiabá.

    "O Governo sinalizou positivamente e agora estamos buscando encontrar a forma para se fazer. Não é simplesmente passar o PAC, tem que haver autorização e anuência do Ministério das Cidades. Acho que vai dar certo", destacou.

    O prefeito observou, ainda, que esse procedimento de buscar a legalidade para a transferência da gestão desses lotes estão sendo estudadas pela Procuradoria Geral do Estado e a Procuradoria Geral de Cuiabá.

    A expectativa é que se conclua até o final deste mês a transferência dos lotes 1, 3 e 5 para o Governo. Segundo Chico Galindo essas obras somam investimento aproximado de R$ 80 milhões. "Tem que ser rápido, pois precisamos pôr a mão na massa", afirmou.

    Fonte: Midianews
    Programa
    TV Justiça
    Sábado às 16:30 Oi 21 | CLARO 05 | SKY 24 | NET 26 | VIVO/GVT 232
    Reprise:
    Segunda 11:00 | Quarta 11:00 | Sexta 11:00 | Domingo 15:00
    TV Diário
    Terça-Feira às 00h45

    Boas Práticas na Justiça

    Cadastro

    Seja um Associado da Ajufe!

    Informativo Ajufe
    Setembro de 2017

    Nesta edição, os 45 anos de fundação da Associação são homenageados. Além disso, o informativo traz também as últimas atividades realizadas pela Ajufe em 2017.

    Revista Direito Federal
    Revista de Direito Federal nº 96

    Nesta 96ª edição, a Revista Direito Federal disponibiliza os trabalhos individualmente, por autor. 

    Revista de Cultura
    Revista de Cultura nº 11

    Juízes federais que escrevem além das sentenças: em verso, rima, ritmo e métrica.

    © Ajufe - Associação dos Juízes Federais do Brasil - Todos os direitos reservados.

    Ajufe.org