Comissão “REJUFE Mulheres” é instituída com o intuito de aumentar a valorização feminina dentro da Magistratura Federal na 5ª Região

     A Associação dos Juízes Federais do Brasil (AJUFE) tem se preocupado com a valorização feminina no Judiciário. Com esse mesmo espírito, a Associação dos Juízes Federais da 5ª Região (REJUFE) instituiu, nessa terça-feira (24/04), a Comissão “REJUFE Mulheres”, a partir da assinatura de portaria pelo presidente da Associação, juiz federal Cláudio Kitner. O ato foi realizado na sede em Recife.

    Para a coordenadora da AJUFE Mulheres, Clara Mota Pimenta, a iniciativa é “extremamente relevante para a regionalização do trabalho associativo em prol das juízas mulheres, a construção de lideranças e para que haja maior visibilidade da agenda feminina na magistratura", explicou a magistrada.

    A Comissão da REJUFE, formada por juízas federais da 5ª Região, tem como pilar estimular a participação feminina em múltiplos espaços da magistratura federal.
    Para a coordenadora da Comissão “REJUFE Mulheres”, juíza federal Madja Moura, atualmente as mulheres representam apenas 26,2% dos magistrados federais de 1º grau, conforme o último Censo do Judiciário realizado pelo CNJ, divulgado em 2014. Nesse mesmo levantamento, a porcentagem da representatividade feminina na 5ª Região fica abaixo da média nacional, chegando em apenas 23,7%. No âmbito dos Tribunais Regionais Federais as mulheres ocupam cerca de 20% dos cargos de Desembargador. Aqui, na 5ª Região, não há, atualmente, nenhuma representante do gênero feminino”, justificou.

    Além da média da participação feminina ser inferior a nacional, até hoje apenas uma mulher ascendeu ao cargo de desembargadora ao TRF5, oriunda do quinto constitucional. Até o momento nenhuma juíza de carreira alcançou tal cargo no referido Tribunal. "Constatamos que, desde 1989, com a criação da Justiça Federal conforme a Constituição Federal, na 5ª Região apenas 4 mulheres ocuparam a direção do Foro, bem como verificamos a ausência de magistradas nas bancas de concurso para ingresso na carreira”, relata a juíza federal Camila Pullin, também coordenadora da REJUFE Mulheres.

    Após a oficialização da nova Comissão, as coordenadoras da REJUFE Mulheres e representantes da AJUFE Mulheres (juízas federais Lêda Pinho, Marília Neves, Polyana Brito) se encontraram com o presidente do TRF5, Desembargador Federal Manoel Erhardt, para reforçarem o apoio do Tribunal na valorização da atuação de mulheres no exercício da magistratura.

    Também participaram do encontro o Desembargador Federal Élio Siqueira, a Juíza Federal auxiliar da Presidência do TRF5, Joana Carolina Lins Pereira, e o presidente da REJUFE Cláudio Kitner.

    REJUFE 4

    Dúvidas, sugestões ou mais informações?

    Fale Conosco

    Dúvidas, sugestões ou mais informações? Entre em contato com a Ajufe. Queremos melhorar cada vez mais a qualidade dos serviços prestados.

    Os campos com asterísco (*) são de preenchimento obrigatório.
    4 + 3 = ?
    © Ajufe - Associação dos Juízes Federais do Brasil - Todos os direitos reservados.

    Ajufe.org