Diretoria da Ajufe presta homenagem ao ministro Hamilton Carvalhido

    IMG_0295Diretores da Ajufe prestaram nesta quarta-feira (2) uma homenagem ao ministro Hamilton Carvalhido, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), como forma de reconhecimento e agradecimento da Associação a seu empenho em favor da magistratura federal de 1º e 2º Graus, em especial, pela decisão em favor de 134 juízes federais de São Paulo que foram notificados pela Corregedoria-Geral da 3ª Região a se defender de processo administrativo por terem emitido sua opinião em ato público de defesa da magistratura. O ministro recebeu em seu gabinete o presidente da Ajufe, Fernando Mattos, o presidente da Ajufer, Moacir Ferreira Ramos, o secretário-geral da Associação, Jurandi Borges Pinheiro, o diretor administrativo, Élio Siqueira, e os juízes federais João Carlos Bayer e Carlos Eduardo Delgado.

    “Há bastante tempo a diretoria da Ajufe gostaria de homenagear o ministro Carvalhido pelo exercício das suas funções como corregedor-geral da Justiça Federal. Não apenas por ter trabalhado intensamente para viabilizar a estruturação das turmas rcursais, não apenas por ter participado do 'Agenda Positiva', do evento no qual os  magistrados expor suas angústias e preocupações para a cúpula da Justiça Federal, mas, e principalmente, pela decisão por ele proferida em um momento de grande angústia dos juízes federais, quando 134 juízes de São Paulo foram notificados a se defender de processo administrativo porque tinham livremente manifestado sua opinião em um ato público de defesa da magistratura", disse o presidente da Ajufe. 

    Segundo o juiz Fernando Mattos, o ministro Carvalhido, "com toda sua sensibilidade e formação humanística, preocupado com a defesa da magistratura federal, em uma decisão corajosa", suspendeu o ato do corregedor-geral da 3ª Região. Mattos lembrou que a homenagem estava sendo feita em um dia especial, pois hoje (02) os juízes foram notificados do arquivamento definitivo desse procedimento.

    IMG_0278Ao agradecer a homenagem, o ministro Hamilton Carvalhido destacou que o episódio envolvendo a Corregedoria-Geral da 3ª Região foi um momento marcante em sua carreira profissional. “Estou extremamente emocionado com esta homenagem. Aquele episódio da corregedoria foi uma experiência gratificante e, com todas as dificuldades, acho que fizemos a nossa parte. Para mim, a liminar concedida em favor dos 134 juízes federais foi um daqueles atos judiciais que mostram o porquê de sermos juízes", avaliou Carvalhido.

    O ministro também ressaltou a importante atuação da Ajufe em favor da magistratura federal e seu orgulho em fazer parte de seu quadro de associados. “A Ajufe é uma Associação que tem um estatuto social ético e que conhece e sabe a missão que tem. Em minha opinião, pedagogicamente a Ajufe deve servir de modelo para as demais associações de magistrados porque tem alcançado o melhor. Sou associado da Ajufe e me orgulho disso. Sou amigo do presidente da Ajufe, Fernando Mattos, e me orgulho de tê-lo como amigo, de ver sua atuação à frente da entidade e de poder formar com ele uma comunhão”, disse.

    IMG_0287Para o juiz federal João Carlos Bayer, que foi juiz auxiliar da Corregedoria-Geral da Justiça Federal durante a gestão do ministro Hamilton Carvalhido, a homenagem feita pela Ajufe coroa a brilhante atuação do ministro como primeiro corregedor-geral da Justiça Federal. “Eu tive a oportunidade de participar da primeira gestão da Corregedoria-Geral da Justiça Federal. Foi uma gestão difícil, mas o ministro Carvalhido soube administrar todas as questões com sabedoria, lucidez e inteligência, tanto a parte disciplinar quanto a de planejamento estratégico. Tenho certeza de que o ministro ainda vai desempenhar muitos papéis, pois ele é uma pessoa muito ativa, de caráter humanista e com conhecimento que transcende a magistratura".

    O diretor administrativo da Ajufe, juiz federal Élio Siqueira, também destacou a importância da homenagem prestada pela Associação ao ministro Hamilton Carvalhido por sua atuação à frente da Corregedoria-Geral da Justiça Federal. “Como diretor administrativo da Ajufe, pude testemunhar que o ministro atuou como corregedor e como presidente da Turma Nacional de Uniformização. Fui integrante da Turma e identifiquei no ministro uma pessoa extremamente equilibrada e dedicada ao trabalho. Seu compromisso com a Justiça Federal ficou demonstrado ao longo de sua atuação”.

    Texto e fotos: Jair Cardoso
    Programa
    TV Justiça
    Sábado às 16:30 Oi 21 | CLARO 05 | SKY 24 | NET 26 | VIVO/GVT 232
    Reprise:
    Segunda 11:00 | Quarta 11:00 | Sexta 11:00 | Domingo 15:00

    Boas Práticas na Justiça

    Cadastro

    Seja um Associado da Ajufe!

    Revista de Cultura
    Revista de Cultura nº 12

    Agora em formato digital, a edição reúne verdadeiros talentos da Justiça Federal, que mostram seus dons musicais, poéticos, em versos e até em fotografias.

    Agenda Político-Institucional
    Agenda Político-Institucional 2018

    O documento lançado em 2018 reúne as principais demandas legislativas, administrativas e judiciais de interesse da Ajufe, além dos projetos de integração entre associação e o cidadão. O objetivo é dar transparência à estratégia de ações da magistratura federal junto aos Três Poderes e à sociedade.

    Informativo Ajufe
    Março de 2018

    A 38ª edição do Informativo da Ajufe traz as últimas atividades realizadas pela Ajufe entre o final de 2017 e o primeiro trimestre de 2018.

    Dúvidas, sugestões ou mais informações?

    Fale Conosco

    Dúvidas, sugestões ou mais informações? Entre em contato com a Ajufe. Queremos melhorar cada vez mais a qualidade dos serviços prestados.

    Os campos com asterísco (*) são de preenchimento obrigatório.
    4 + 3 = ?
    © Ajufe - Associação dos Juízes Federais do Brasil - Todos os direitos reservados.

    Ajufe.org