JF embarga obra de terminal pesqueiro na Ilha do Governador

    O projeto do novo Terminal Pesqueiro Público (TPP) do Rio, na Ribeira, na Ilha do Governador, foi embargado pela juíza Maria Amelia Almeida Senos de Carvalho, da 23ª Vara de Justiça Federal do Rio. Em seu despacho, do dia 15 de outubro, ela considerou que o empreendimento, do Ministério da Pesca e Aquicultura, seria erguido numa Zona Residencial (ZR3), aumentaria o fluxo de caminhões na região e, por ficar próximo a aeroportos, poderia oferecer risco à aviação, devido às aves atraídas pelo pescado. A Advocacia Geral da União (AGU) foi acionada pelo ministério e estuda a possibilidade de recurso.

    Ambientalistas contrários ao TPP comemoraram a decisão e já enviaram às autoridades uma lista de locais onde o terminal poderia ser construído. Entre as opções, sugerem a Baía de Sepetiba, o Mercado de São Sebastião, a região do Caju e do Porto, além de Magé, São Gonçalo e Duque de Caxias.

    Segundo o Ministério da Pesca, a decisão judicial será cumprida. O custo do TPP ultrapassa R$ 50 milhões.

    - Decisão judicial é para ser cumprida, mas a AGU já foi acionada. Não desistimos do terreno da Ilha - disse o Secretário de Infraestrutura e Fomento da Pesca e Agricultura, José Claudenor Vermohlen.

    Em outubro de 2009, a Aeronáutica emitiu parecer contrário ao terminal, mas, em novo ofício, de maio, informou que não se opõe ao projeto, desde que implementadas medidas para evitar a atração de aves.

    Fonte: O Globo
    Programa
    TV Justiça
    Sábado às 16:30 Oi 21 | CLARO 05 | SKY 24 | NET 26 | VIVO/GVT 232
    Reprise:
    Segunda 11:00 | Quarta 11:00 | Sexta 11:00 | Domingo 15:00

    Boas Práticas na Justiça

    Cadastro

    Seja um Associado da Ajufe!

    Revista de Cultura
    Revista de Cultura nº 12

    Agora em formato digital, a edição reúne verdadeiros talentos da Justiça Federal, que mostram seus dons musicais, poéticos, em versos e até em fotografias.

    Agenda Político-Institucional
    Agenda Político-Institucional 2018

    O documento lançado em 2018 reúne as principais demandas legislativas, administrativas e judiciais de interesse da Ajufe, além dos projetos de integração entre associação e o cidadão. O objetivo é dar transparência à estratégia de ações da magistratura federal junto aos Três Poderes e à sociedade.

    Informativo Ajufe
    Março de 2018

    A 38ª edição do Informativo da Ajufe traz as últimas atividades realizadas pela Ajufe entre o final de 2017 e o primeiro trimestre de 2018.

    Dúvidas, sugestões ou mais informações?

    Fale Conosco

    Dúvidas, sugestões ou mais informações? Entre em contato com a Ajufe. Queremos melhorar cada vez mais a qualidade dos serviços prestados.

    Os campos com asterísco (*) são de preenchimento obrigatório.
    4 + 3 = ?
    © Ajufe - Associação dos Juízes Federais do Brasil - Todos os direitos reservados.

    Ajufe.org