Juiz Odilon de Oliveira participa de fórum sobre drogas em MS

    O juiz federal Odilon de Oliveira é um dos palestrantes do Fórum Estadual sobre Drogas, realizado pelo Conselho Estadual Antidrogas de Mato Grosso do Sul (Cead/MS), entre os dias 4 e 5 de novembro, na Capital. O magistrado fala no primeiro dia do evento, às 11h, sobre a relevância na construção de uma política pública estadual sobre drogas nesta região estratégica. 

    O objetivo do fórum é consolidar propostas para a formulação de políticas públicas sobre drogas e que melhor represente a posição da sociedade de Mato Grosso do Sul. O evento acontece no Pallaciu´s Eventos, localizado na rua 14 de julho, 1256, Centro. A recepção e o credenciamento começa a partir das 7h30.

    A coordenadora geral do fórum, conselheira estadual Helena Gasparini, explica que o evento reunirá as contribuições ou propostas levantadas durante os seis fóruns regionais realizados em cidades polos do Estado no ano de 2009, e que contaram com a participação de representantes de todos os municípios e de diferentes segmentos da sociedade.

    "Fizemos palestras e oficinas nestas cidades com a participação dos conselhos municipais, da comunidade em geral e ao final dos encontros eles discutiram e elaboraram propostas com vertentes como prevenção e tratamento. Neste fórum vamos estabelecer consenso, ou seja, queremos valorizar todas as propostas mantendo, modificando ou excluindo para consolidá-las numa política pública sobre drogas", explica a coordenadora do Fórum. Helena Gasparini é bióloga, especialista em dependência química e mestre em psicologia da saúde.

    Os fóruns regionais foram realizados nos municípios de Amambai, Três Lagoas, Aquidauana, Dourados, São Gabriel do Oeste e Campo Grande. Helena Gasparini explica que todos os passos com fóruns regionais e o estadual seguem o modelo nacional inclusive no ano de 2004 quando foram realizados os fóruns regionais no Brasil. "Durante dois dias estaremos consolidando estas propostas e vamos entregar ao governo do Estado para que possa servir de subsídio para instalar essa política publica sobre drogas", completa.

    De acordo com a programação, a abertura do evento vai contar com diversas palestras. A partir das 10h15 haverá o pronunciamento do Secretário Nacional de Políticas Públicas sobre Drogas, general Paulo Roberto Yog de Miranda Uchoa. Na sequência, às 11 horas, o juiz federal Odilon de Oliveira fala sobre a Relevância na construção de uma Política Pública Estadual sobre Drogas nesta Região Estratégica. Já às 11h45, o procurador de Justiça do Ministério Publico do Rio Grande do Sul e presidente da Associação Nacional de Justiça Terapêutica (RS), Ricardo de Oliveira Silva, ministra palestra sobre a Legislação sobre Drogas e a Redução da Oferta.

    No período da tarde, às 14 horas, o médico psiquiatra, professor e pesquisador da Universidade Federal de São Paulo, Ronaldo Laranjeiras, fala sobre o tema: Realidade Nacional sobre o uso de Drogas: Efeitos e Consequências - Formas de Atendimento ao dependente químico. Às 14h45 o subsecretário de Políticas Antidrogas do Estado de Minas Gerais, Cloves Benevides, ministra palestra sobre o Desenvolvimento de Políticas Publicas sobre Drogas e a importância da Subsecretaria no Estado.

    Já no dia 5, o evento será realizado no Hotel Jandaia, localizado na rua Barão do Rio Branco, 1271, Centro. A participação nesse evento é restrita apenas aos delegados eleitos nos fóruns regionais.

    Fonte: Diário do M. Grosso do Sul
    Programa
    TV Justiça
    Sábado às 16:30 Oi 21 | CLARO 05 | SKY 24 | NET 26 | VIVO/GVT 232
    Reprise:
    Segunda 11:00 | Quarta 11:00 | Sexta 11:00 | Domingo 15:00

    Boas Práticas na Justiça

    Cadastro

    Seja um Associado da Ajufe!

    Revista de Cultura
    Revista de Cultura nº 12

    Agora em formato digital, a edição reúne verdadeiros talentos da Justiça Federal, que mostram seus dons musicais, poéticos, em versos e até em fotografias.

    Agenda Político-Institucional
    Agenda Político-Institucional 2018

    O documento lançado em 2018 reúne as principais demandas legislativas, administrativas e judiciais de interesse da Ajufe, além dos projetos de integração entre associação e o cidadão. O objetivo é dar transparência à estratégia de ações da magistratura federal junto aos Três Poderes e à sociedade.

    Informativo Ajufe
    Março de 2018

    A 38ª edição do Informativo da Ajufe traz as últimas atividades realizadas pela Ajufe entre o final de 2017 e o primeiro trimestre de 2018.

    Dúvidas, sugestões ou mais informações?

    Fale Conosco

    Dúvidas, sugestões ou mais informações? Entre em contato com a Ajufe. Queremos melhorar cada vez mais a qualidade dos serviços prestados.

    Os campos com asterísco (*) são de preenchimento obrigatório.
    4 + 3 = ?
    © Ajufe - Associação dos Juízes Federais do Brasil - Todos os direitos reservados.

    Ajufe.org