Magistrados federais brasileiros apresentam práticas inovadoras em Washington

Entre os dias 9 e 13 de julho foi realizado, na capital norte-americana, Washington D.C., o Congresso Internacional Excelência em Escala Global, um evento promovido pela International Association for Court Administration (Iaca) em parceria com a National Association for Court Management (Nacm), para discutir temas relacionados com a administração da Justiça.

 

O Brasil foi representado no congresso pela presidente do Tribunal Federal Regional da 3ª Região (TRF3), a desembargadora federal Cecília Marcondes, o secretário-geral da Ajufe, juiz federal Fernando Marcelo Mendes, os juízes federais Luciana Ortiz e Paulo Cezar Neves Junior, ambos da Seção Judiciária do Estado de São Paulo, e o juiz federal do Paraná, Fabrício Cruz.

 

Na ocasião, os magistrados da Seção Judiciária paulista apresentaram o programa de gestão “Inovajusp”, que acelera o tempo de andamento dos processos nas seções, e explicaram a importância da criação de um laboratório (ijusLab) para a discutir ideias para o aprimoramento do judiciário brasileiro.

 

Durante o congresso, que teve quase 800 participantes de 45 países, outro brasileiro teve a oportunidade de apresentar uma prática positiva implementada na Justiça brasileira, o juiz federal Fabrício Cruz. O programa apresentado pelo magistrado foi o de conciliação por via eletrônica, que resultou em cerca de 60 mil acordos, sem a necessidade de locomoção, garantindo a celeridade do processo.

 

A viagem aos Estados Unidos da América foi finalizada com um encontro entre a presidente do TRF3, os juízes federais Luciana Ortiz e Paulo Cezar Neves Junior, e o embaixador brasileiro nos EUA, Sergio Amaral e a diplomata Daniella Vargas. Na oportunidade, o grupo apresentou trabalho inovador que a Seção Judiciária de São Paulo tem desempenhado.

 

Leia a matéria na íntegra do desembargador federal e presidente do IACA, Vladimir Passos Freitas, neste link: https://goo.gl/3ik5Cu