Ajufe pede apoio de TRFs na proposta de transferência de competência de ações acidentárias para a Justiça Federal

    A Ajufe solicitou o apoio dos cinco Tribunais Regionais Federais na defesa da proposta de transferência da competência das ações acidentárias para a Justiça Federal, conforme prevê a Reforma da Previdência (PEC 06/2019), e a delimitação da competência delegada prevista no art. 109, § 3°, da Constituição Federal. O ofício foi encaminhado aos presidentes dos TRF’s nesta segunda-feira (1º).

    Com a transferência de competência, os contribuintes que tiverem o benefício por acidente de trabalho negado pelo INSS passariam a buscar a Justiça Federal para ter seu direito assistido. A Ajufe acredita que a proposta garante melhoria na prestação jurisdicional e maior segurança jurídica, pois será prestada por justiça especializada.

    O Tribunal de Contas da União e o próprio INSS entendem que a medida beneficia o Estado, com economia de milhões por ano com custos periciais. Além desses órgãos, o relator da proposta na Câmara, Deputado Federal Samuel Moreira, também já apresentou parecer favorável à alteração de competência.

    Veja a íntegra dos ofícios: https://bit.ly/2RNKW9b

    Tags:
    Dúvidas, sugestões ou mais informações?

    Fale Conosco

    Dúvidas, sugestões ou mais informações? Entre em contato com a Ajufe. Queremos melhorar cada vez mais a qualidade dos serviços prestados.

    Os campos com asterísco (*) são de preenchimento obrigatório.
    4 + 3 = ?
    © Ajufe - Associação dos Juízes Federais do Brasil - Todos os direitos reservados.

    Ajufe.org