CNJ promove seminário em comemoração à Lei Berenice Piana

    No dia 1º de dezembro de 2022, o Conselho Nacional de Justiça, por intermédio da Comissão de Políticas Sociais e de Desenvolvimento do Cidadão, realizará o “Seminário 10 anos da Lei nº 12.764/2012 (Lei Berenice Piana) – conquistas e desafios”.

    O evento tem como objetivo discutir com atores do sistema de justiça e sociedade civil as conquistas e os desafios em alusão aos 10 anos de vigência da citada lei.

    Lei n. 12.764, de 27 de dezembro de 2012, que institui a Política Nacional de Proteção dos Direitos da Pessoa com Transtorno do Espectro Autista, conhecida como Lei Berenice Piana, completará em dezembro deste ano, 10 anos de vigência.

    Os interessados em participar podem preencher o formulário de inscrição até o dia  de 30 de novembro.

    Para mais informações, leia a programação do Seminário – arquivo em .pdf (atualizada em 21/11/2022, às 16h13).


    Serviço:

    Seminário “10 anos da Lei nº 12.764/2012 (Lei Berenice Piana) – conquistas e desafios”

    Data: 1º/12/2022
    Horário: das 9h às 12h e das 14h às 18h.
    Local: Auditório do CNJ com transmissão do canal do CNJ no Youtube
    Público-alvo: todos os atores do sistema de Justiça e sociedade civil em geral.
    Prazo de inscrição: 30 de novembro de 2022
    Link de inscrição:
     https://formularios.cnj.jus.br/lei-berenice-piana-conquistas-e-desafios/

     

    Tags:
    Dúvidas, sugestões ou mais informações?

    Fale Conosco

    Dúvidas, sugestões ou mais informações? Entre em contato com a Ajufe. Queremos melhorar cada vez mais a qualidade dos serviços prestados.

    Os campos com asterísco (*) são de preenchimento obrigatório.
    4 + 3 = ?

    Ajufe.org

    A Ajufe utiliza cookies com funções técnicas específicas.

    Nós armazenamos, temporariamente, dados para melhorar a sua experiência de navegação. Nenhuma informação pessoal é armazenada ou capturada de forma definitiva pela Ajufe. Você pode decidir se deseja permitir os cookies ou não, mas é necessário frisar que ao rejeitá-los, o visitante poderá não conseguir utilizar todas as funcionalidades do Portal Ajufe. Enfatiza-se, ainda, que em nenhum momento cria-se qualquer tipo de identificador individual dos usuários do site. Para demandas relacionadas a Tratamento de Dados pela Ajufe, entre em contato com privacidade@ajufe.org.br.