Em discurso na ONU, Presidente do Brasil reforça a necessidade de concessão de asilo para juízas afegãs

    A Ajufe foi a primeira entidade a solicitar urgência para emissão dos documentos

     

     

    Durante a abertura da Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova York, o presidente Jair Bolsonaro mencionou, nesta terça-feira (21), a importância da liberação de visto humanitário para refugiados juízes afegãos, que fogem do regime do Talibã.

    “O futuro do Afeganistão também nos causa profunda apreensão. Consideremos vistos humanitários para cristãos, mulheres, crianças, e juízes afegãos”, afirmou Bolsonaro.

    No dia 25 de agosto, a Ajufe entregou ofício ao Itamaraty alertando que 270 juízas em território afegão se encontravam em situação de vulnerabilidade, em risco por desempenharem a função e eventualmente por terem participado de condenações de integrantes do Talibã.

    A Ajufe foi a primeira entidade da sociedade civil a recorrer ao Poder Executivo uma providencia urgente sobre a situação de magistrados e cidadãos afegãos, citando a convenção relativa ao Estatuto dos Refugiados, de 1951.

    Tags:
    Dúvidas, sugestões ou mais informações?

    Fale Conosco

    Dúvidas, sugestões ou mais informações? Entre em contato com a Ajufe. Queremos melhorar cada vez mais a qualidade dos serviços prestados.

    Os campos com asterísco (*) são de preenchimento obrigatório.
    4 + 3 = ?

    Ajufe.org

    A Ajufe utiliza cookies com funções técnicas específicas.

    Nós armazenamos, temporariamente, dados para melhorar a sua experiência de navegação. Nenhuma informação pessoal é armazenada ou capturada de forma definitiva pela Ajufe. Você pode decidir se deseja permitir os cookies ou não, mas é necessário frisar que ao rejeitá-los, o visitante poderá não conseguir utilizar todas as funcionalidades do Portal Ajufe. Enfatiza-se, ainda, que em nenhum momento cria-se qualquer tipo de identificador individual dos usuários do site. Para demandas relacionadas a Tratamento de Dados pela Ajufe, entre em contato com privacidade@ajufe.org.br.